De fogos de artifício a cebolas penduradas, as pessoas em todo o mundo têm uma variedade de maneiras de comemorar o Ano Novo. Essas tradições não se limitam à véspera de ano novo em 31 de dezembro e ao dia de ano novo em 1º de janeiro.

As tradições do Ano Novo em todo o mundo também incluem o Ano Novo Lunar Chinês e o Ano Novo Judaico, que ocorrem no final do ano civil.

Descubra mais sobre as tradições da véspera de Ano Novo em todo o mundo neste artigo. Considere escolher uma nova tradição para tentar trazer boa sorte para o próximo ano.

1. Comer exatamente 12 uvas para ter boa sorte

Na Espanha e em alguns países de língua espanhola da América Latina, muitas pessoas comem 12 uvas no momento em que se rompe o Dia de Ano Novo.

Uma uva para cada mês do ano, você come uma de cada vez enquanto o relógio bate 12 vezes à meia-noite. Ou coma uma de cada vez nos 12 segundos anteriores à badalada da meia-noite.

É uma prática que promove a boa sorte no Ano Novo. Mas para ter sorte, você deve pensar sobre o significado de cada uva e o mês que se segue no ano.

Há várias histórias sobre como essa tradição começou. Alguns acreditam que os produtores de uvas espanhóis a inventaram nos anos 1900 para vender mais uvas, e outros acreditam que foi um costume francês adotado e tornado único pelos habitantes de Madri.

2. Usar branco para pular sete ondas

A eclética história cultural e religiosa do Brasil se entrelaça a cada 31 de dezembro, quando os foliões vestidos de branco se reúnem nas praias do país.

Os cariocas celebram com entusiasmo essa tradição. Um grande número de pessoas vem à costa na véspera de Ano Novo para jogar flores brancas nas ondas e ver os fogos de artifício sobre o mar.

Quando chega o ano novo, as pessoas entram no oceano e pulam sete ondas cada uma. A cada salto, cada pessoa faz um desejo para o próximo ano. A tradição é vista como uma forma de ajudar a trazer boa sorte para o ano que se inicia.

A tradição e a cultura brasileiras são complexas e cheias de história. O mesmo pode ser dito da comida do país. Descubra alguns pratos tradicionais brasileiros que não são comuns fora do país.

3. Carregar uma mala vazia

Na Colômbia, muitas pessoas participam de uma série de tradições para marcar a sorte no Ano Novo, incluindo comer 12 uvas. De acordo com Erica Dinho, uma blogueira de culinária colombiana, você deve fazer um pedido para cada uva que comer.

Erica observa que alguns colombianos derramam champanhe no corpo para ajudar a promover a prosperidade para o próximo ano. Aqueles que desejam ter um ano repleto de aventuras ou viagens podem correr ao redor do quarteirão segurando uma mala vazia.

4. Fazer e comer Hoppin’ John para o jantar

Hoppin’ John é uma receita do sul dos Estados Unidos que é comumente feita e comida no dia de ano novo. Seu ingrediente principal é o feijão-fradinho, conhecido por trazer boa sorte no Réveillon.

Muitas pessoas comem feijão-fradinho de alguma forma por esse motivo, e comem junto com verduras, que são conhecidas por ajudar a trazer riquezas no ano seguinte.

O Hoppin’ John também inclui arroz e alguns tipos de carne, normalmente uma variedade de carne de porco, como presunto ou bacon. Muitas pessoas também consideram que comer carne de porco traz boa sorte no primeiro dia do ano.

5. Um homem de cabelos escuros passando pela porta primeiro

O Ano Novo, ou Hogmanay, é um grande evento na Escócia. Historicamente, ele foi o principal feriado de inverno para muitos na região, já que a celebração do Natal foi proibida por quase 400 anos. Ao longo dos anos, as pessoas desenvolveram uma grande variedade de tradições para o dia 31 de dezembro, e uma delas é conhecida como “first footing”.

O first footing refere-se aos primeiros pés a cruzar a soleira de uma casa assim que o ano novo começa. A tradição escocesa afirma que traz sorte caso a primeira pessoa que passe pela porta da frente seja um homem de cabelos escuros. O homem também deve levar consigo seus itens específicos: pão preto, biscoitos, carvão, sal e um pouco de uísque.

Centenas de anos atrás, a Escócia era frequentemente invadida pelos vikings — que geralmente possuíam cabelos claros. Algumas pessoas acreditam que o first footing exige um homem de cabelo escuro porque os ancestrais escoceses durante a época dos Vikings eram cautelosos com estranhos de cabelo claro, que podiam ser invasores.

6. Envelopes vermelhos cheios de dinheiro

Os envelopes vermelhos são uma tradição associada ao Ano Novo Chinês. Esta é uma celebração datada no calendário lunar, portanto, começa por volta do 23º dia do 12º mês lunar do calendário lunar.

Os envelopes vermelhos especiais, ou hongbao, contêm dinheiro e são dados aos entes queridos — geralmente crianças. A tradição ocorre na China e também em países com herança chinesa, como Vietnã, Cingapura, Malásia e Taiwan.

O vermelho é um símbolo de bons desejos e prosperidade. As origens dessa prática aparecem em diversas histórias antigas chinesas sobre o Ano Novo, e existem regras sobre como você deve dar e receber envelopes.

Os envelopes devem conter apenas notas novas, limpas e nítidas, por exemplo. Ao entregar um envelope, você precisa entregá-lo e recebê-lo com as duas mãos. Você também não deve abrir o envelope quando ainda está com a pessoa que o deu.

As tradições de dar presentes são diferentes em todo o mundo. Descubra mais sobre as tradições de dar presentes de Natal que ocorrem ao longo do ano civil para várias culturas.

7. Jogar pratos nas portas

Na Times Square, em Nova York, a bola cai. Do outro lado do Atlântico, são vidros ou pratos que caem!

Nas tradições do Ano Novo holandês e alemão, as pessoas jogam pratos contra as portas, quebrando-os como uma forma de trazer boa sorte. Você deve jogar pratos na porta de amigos e familiares. Mais fragmentos quebrados à sua porta significam mais sorte para as pessoas na Dinamarca.

8. Bater panelas e frigideiras

Bater panelas e frigideiras para fazer barulho é uma tradição que atravessa uma variedade de culturas e locais. Na verdade, é uma tradição que pode ter levado as pessoas a comprarem diversos objetos barulhentos para animar o Ano Novo.

Uma razão para a tradição pode ter sido a crença de que fazer barulhos altos pode afugentar os espíritos malignos ou azarados do ano passado. Fazendo barulho, você pode ajudar a proteger o próximo ano.

9. Queimar efígies para limpar a energia ruim

Queimar efígies é outra tradição de ano novo que ocorre em vários países, incluindo o Equador. As pessoas fazem efígies de todos os tipos de figuras, incluindo políticos e celebridades. Em seguida, eles os queimam à meia-noite na véspera de Ano Novo.

Muitas pessoas acreditam que a tradição começou em 1895, quando houve uma epidemia de febre amarela na região. As roupas dos que morreram foram enfiadas em caixões, que foram queimados, em parte para queimar a doença.

O símbolo da purificação acabou pegando. Tornou-se uma tradição queimar efígies para limpar as coisas ruins do ano anterior, para assim começar o novo ano do zero.

10. Transformar metal fundido em formas aleatórias

Um costume finlandês envolve fundir formas aleatórias de lata e usá-las para prever o que pode acontecer no ano novo. A fundição é feita na véspera do Ano Novo.

As pessoas aquecem o latão até derreter e jogam-no em água fria para que adquira uma forma aleatória. Formas como anéis podem indicar casamento, mas a prática deixa muito para a imaginação.

11. Jogar água pela janela

Em Porto Rico, você também pode encontrar pessoas comendo 12 uvas para ter sorte e prosperidade no próximo ano. Mas a tradição porto-riquenha também inclui jogar um balde de água pela janela para afastar os maus espíritos e espalhar açúcar do lado de fora para dar sorte.

12. Usar certas roupas íntimas coloridas

A cor das roupas íntimas desempenha um papel importante nas tradições do Ano Novo em vários países. Muitas pessoas na Colômbia usam roupas íntimas amarelas na esperança de prosperidade para o ano novo.

No Brasil, é comum usar uma cueca especial para dar sorte, com muitas pessoas acreditando que o vermelho é a melhor tonalidade. Homens e mulheres na Itália costumam usar roupas íntimas vermelhas na véspera de Ano Novo para afastar pensamentos negativos e espíritos malignos.

13. Comer frutas mergulhadas em mel

O Ano Novo Judaico é outra celebração que não ocorre em 31 de dezembro ou 1º de janeiro.

Conhecida como Rosh Hashanah, a celebração começa no primeiro dia do sétimo mês do calendário hebraico. A data exata no calendário moderno de 12 meses varia, mas o ano novo judaico ocorre durante as semanas finais do verão ou no outono.

A festa vem com muitas tradições, uma delas é comer maçãs ou outras frutas mergulhadas no mel. É considerado boa sorte, já que as maçãs eram historicamente vistas como uma fruta curativa e o mel significava prosperidade ou esperança.

Interessado em saber mais sobre as principais celebrações em todo o mundo? Saiba mais sobre o Diwali, o maior feriado da Índia, e como alguns o celebram nos Estados Unidos.

14. Pendurar cebolas na porta

Na tradição grega, a cebola é um símbolo de regeneração ou renascimento, em parte devido à natureza resistente da planta da cebola e à capacidade de crescer novamente. A cebola foi tão apreciada que as pessoas começaram a pendurá-la em suas casas no dia de ano novo como um símbolo de nova prosperidade e boa sorte.

Muitas pessoas na Grécia vão aos eventos religiosos no Dia de Ano Novo como parte de um ritual para começar o ano com uma base sólida. Depois de ir à igreja, as pessoas penduram cebolas na porta ou em qualquer outro lugar da casa.

Veja o que os gregos comem durante o ano novo e como fazer esses pratos sozinho.

15. Devorar macarrão soba

As pessoas no Japão costumam comer macarrão soba na véspera de Ano Novo. A tradição pede especificamente macarrão Toshikoshi soba, que é feito com trigo sarraceno e é longo e fino.

O macarrão quebra facilmente, então comê-lo é um símbolo de se libertar do ano antigo para que você possa entrar no ano novo de maneira adequada. Por serem longos, eles também simbolizam uma vida longa.

A tradição também é prática para muitas pessoas. É comum participar de celebrações ou eventos em santuários ou templos à meia-noite. Quando as pessoas voltam para casa, gostam de comer o macarrão, que é fácil de preparar como um lanche.

16. Exibição de luzes e fogos de artifício

Essa tradição é vista em uma variedade de culturas e em vários tipos de comemorações de Ano Novo. Lembra-se de bater panelas e frigideiras e de como o barulho do Ano Novo provavelmente vem de velhas crenças sobre como afastar os maus espíritos e a má sorte?

O mesmo provavelmente se aplica a rojões e exibições de fogos de artifício. Hoje, você pode encontrar essa tradição de praticamente qualquer jeito. As crianças podem jogar bombinhas no chão em bairros para fazer barulho, e as cidades exibem fogos de artifício espetaculares no momento em que o relógio bate meia-noite 24 vezes em todo o mundo.

Na verdade, se você estiver assistindo TV ou estiver online a qualquer hora na véspera de Ano Novo, provavelmente conseguirá assistir a um show de fogos de artifício em algum lugar do mundo!

Sobre a Remitly

A Remitly torna as transferências internacionais de dinheiro mais rápidas, fáceis, transparentes e acessíveis. Desde 2011, mais de 5 milhões de pessoas usaram nosso aplicativo móvel seguro para enviar dinheiro com tranquilidade.

Visite a página inicial, baixe nosso aplicativo ou confira nossa Central de Ajuda para começar.

Esta publicação é fornecida apenas para fins de informação geral e não pretende cobrir todos os aspectos de todos os tópicos aqui discutidos. Esta publicação não substitui o aconselhamento de um especialista ou profissional aplicável. O conteúdo desta publicação não constitui aconselhamento legal, fiscal ou outro aconselhamento profissional da Remitly ou de qualquer de suas afiliadas e não deve ser confiado como tal. Embora nos esforcemos para manter nossos cargos atualizados e precisos, não podemos representar, garantir ou de outra forma garantir que o conteúdo seja preciso, completo ou atualizado.