fbpx

Moeda da Costa Rica: 5 fatos que você provavelmente não sabia sobre o colón

Esteja você em busca de aventura, atividades para a família ou paisagens fantásticas, você encontrará na Costa Rica. Este pequeno país da América Central está repleto de florestas tropicais, praias, rios e vida selvagem. Das praias ensolaradas de Guanacaste à observação de pássaros na Floresta Nublada de Monteverde, há aventuras ao ar livre para todos durante todo o ano.

Você está planejando uma viagem para a Costa Rica, pensando em se aposentar lá, ou procurando enviar dinheiro para casa? Você precisará transformar seu USD, CAD ou outra moeda na moeda da Costa Rica, conhecida como colónes. As transferências internacionais de dinheiro farão isso automaticamente. No país, você pode facilmente sacar a moeda local de caixas eletrônicos ou trocar moedas em um banco.

Neste artigo, veremos o que é o colón e a história da moeda da Costa Rica do século XIX até hoje. Em seguida, discutiremos a relação única entre o colón e o dólar antes de nos aprofundarmos em alguns fatos menos conhecidos sobre a moeda nativa da Costa Rica.

colón da Costa Rica

Informações básicas sobre o colón da Costa Rica

O colón (CRC) é a moeda nacional da Costa Rica. O símbolo do colón é um C maiúsculo com duas barras percorrendo o centro. O dinheiro do país é emitido pelo Banco Central da Costa Rica, que está sediado na capital de San Jose.

O colón da Costa Rica é dividido em 100 cêntimos. As cédulas vêm em denominações de 1.000, 2.000, 5.000, 10.000, 20.000 e 50.000 colónes.

As moedas vêm em valores de 5, 10, 25, 50, 100 e 500 cêntimos. As notas (ou seja, denominações de papel-moeda) também vêm em uma variedade de tamanhos para ajudar a facilitar o reconhecimento para os deficientes visuais.

Uma breve história da moeda da Costa Rica

A primeira moeda da Costa Rica foi chamada de peso e remonta a 1839. Como o país precisava de uma moeda que seus cidadãos pudessem usar como troca ou pagamento, o Chefe de Estado, Braulio Carrillo, autorizou 30.000 pesos em vouchers de 5 e 10 pesos para pagar funcionários públicos.

Em 1858, o Banco Nacional da Costa Rica foi fundado. O banco emitiu notas de 1, 2, 10 e 20 pesos. O colón chegou em 1896, quando o país passou por uma reforma monetária. Por volta dessa época, o Banking Act de 1900 permitia que qualquer banco com capital de 1 milhão de colónes emitisse notas, então muitos mais colónes entraram em circulação.

Em 1914, o Banco Internacional foi criado, e em 1921 ganhou os direitos exclusivos de emissão de moeda. Outros bancos privados não tinham mais permissão para emitir notas. Em 1936, foi renovado e mudou seu nome para Banco Nacional da Costa Rica.

Em 1950, os líderes fundaram o Banco Central da Costa Rica e assumiram os direitos únicos de emissão da moeda do país. Em 1951, o banco começou a emitir papel-moeda com notas de 5, 10, 20, 50 e 100 colónes. Estas são as principais notas que estão em circulação atualmente.

Compreendendo as taxas do colón da Costa Rica

O colón teve uma relação interessante com o dólar americano, que os economistas chamam de crawling peg (câmbio deslizante). Ele não é definido por um valor constante para o dólar. Em vez disso, durante anos, a moeda da Costa Rica ficou progressivamente mais fraca a uma taxa fixa de cerca de 3,294 colónes para 1 USD por mês.

Essa paridade mudou em 2006, no entanto, por causa da fraqueza do dólar americano e de uma mudança na percepção do valor do colón. O Banco Central também estava tentando encontrar uma maneira de equalizar o poder econômico entre os cidadãos costarriquenhos que trabalham e não trabalham no turismo. Os primeiros são mais protegidos da inflação por causa de sua dependência em dólares americanos.

A principal receita da Costa Rica vem da agricultura, turismo e eletrônicos. Quase 70% do PIB do país vem da indústria de serviços.

Em lugares como a Costa Rica, as taxas de câmbio muitas vezes flutuam dependendo da quantidade de turismo que estão recebendo. Embora o turismo da Costa Rica tenha caído um pouco de 2020 a 2022, a participação dele no PIB provavelmente continuará a crescer.

A taxa de câmbio agora está livre para flutuar dentro de uma faixa monetária que tem como referência o dólar dos Estados Unidos. O piso dessa faixa é definido com um valor fixo, e o teto muda com uma taxa fixa.

Os bancos atualizam as taxas de câmbio todos os dias, portanto, verifique e obtenha a melhor taxa antes de trocar o dinheiro.

5 fatos fascinantes sobre o colón da Costa Rica

Quer saber mais sobre a moeda da Costa Rica? Dê uma olhada nestas curiosidades sobre o colón.

1. Plástico ou algodão? As cédulas são feitas de ambos.

A nota de 1000 colón é feita de polipropileno, um plástico fino e resistente. O país decidiu usar esse material porque ele tem os melhores resultados em condições nada favoráveis – como chuvas tropicais ou viagens de ônibus empoeiradas.

A nota de 2.000 colón é feita de algodão. Ela é um pouco menos durável, mas é mais macia ao toque. Também é um pouco mais longa do que a nota de 1000 colón.

2. As notas mudam de cor.

Uma das medidas de segurança das notas? O mapa da Costa Rica retratado muda de cor. Quando você vira a nota e deixa a luz brilhar nela, o mapa muda de roxo para verde.

3. O colón tem muitos apelidos.

O colón às vezes é chamado de “peso”, que era a moeda antes do colón. Ele também é referido como “cana” — espanhol para cana-de-açúcar — mas este termo é geralmente usado na forma plural, canas, e para quantidades inferiores a 100 colónes.

Muitas pessoas usam a palavra “teja”, que significa telha, como gíria para 100 colónes. Além disso, 500 moedas e notas de colónes são chamadas de “cinco tejas”, enquanto 50 moedas e notas de colónes são chamadas de “media teja” ou “meia telha”.

4. Os animais aparecem nos designs.

O país é conhecido por seus parques nacionais, onde você pode desfrutar de atividades como canoagem, e rafting, ou ver araras, tartarugas marinhas e preguiças. Não é de admirar que a vida selvagem também tenha aparecido nas notas.

Desde 2012, as notas da Costa Rica ostentam um novo design colorido inspirado nos animais do país. As cédulas apresentam novos padrões com a preguiça, o beija-flor, a borboleta morfo e o macaco-prego de cabeça branca.

5. O homônimo do colón é uma figura famosa na história.

O colón tem o nome de Cristóvão Colombo (ou Cristóbal Colón em espanhol), um almirante que você talvez conheça. Colombo chegou à Costa Rica em 1502 em sua última viagem. Ele não permaneceu, no entanto, e levaria muitas décadas até que quaisquer colônias permanentes fossem estabelecidas.

Como enviar dinheiro para a Costa Rica

Se você é um costarriquenho que mora no exterior, enviar dinheiro para casa pode ser arriscado devido a marcações nas taxas de câmbio e tarifas ocultas. Na Remitly, estamos mudando isso.

Com nossa cobertura em toda a Costa Rica, os destinatários podem retirar dinheiro com segurança de locais com os quais estão familiarizados, em sua moeda local. Você também pode enviar dinheiro diretamente para uma conta bancária da Costa Rica.

A Remitly torna as transferências internacionais de dinheiro mais rápidas, fáceis, transparentes e acessíveis. Nosso aplicativo móvel confiável e fácil de usar tem a confiança de mais de 5 milhões de pessoas em todo o mundo.

colón da Costa Rica

O colón é uma moeda colorida que é rica em história

Faz todo sentido que um país bonito e vibrante como a Costa Rica tenha um dinheiro igualmente interessante. Dado que o colón está tão intimamente ligado à história das relações internacionais do país, ele sempre será um assunto popular quando se trata de taxas de câmbio.

Se você precisa enviar dinheiro para a família ou amigos na Costa Rica, então precisa de um serviço que você pode confiar — como a Remitly. Baixe o aplicativo Remitly e ajudaremos você a começar.

Leitura adicional